Patrões negam qualquer proposta além do INPC

4ªrodada

Comerciários pedem aumento real

 

Na manhã desta terça-feira (26), ocorreu a quarta rodada de negociação entre o Sindicato dos Empregados no Comércio de Caxias do Sul – Sindicomerciários – e o sindicato patronal (Sindilojas). Os patrões persistem em propostas que chegam ao máximo no INPC da data-base (1º de julho): 2,56%. O Sindicomerciários, por sua vez, pede aumento real para a categoria. A última proposta da entidade dos trabalhadores foi de 3,20% de reajuste, R$65,00 aos domingos, R$70,00 aos domingos de dezembro e feriados, R$267,00 de auxílio-creche e piso de R$1.240,00 retroativo a julho e R$1.250,00 a partir de setembro ou R$1.245,00 retroativo a julho. A reunião encerrou sem que o patronal aceitasse a proposta dos comerciários.

“Essa foi nossa última proposta. Não tem como reduzir ainda mais. Eles pedem nosso entendimento em relação ao momento econômico. Nós entendemos e tentamos negociar. Mas, eles não entendem que o trabalhador precisa de um aumento real. Sabemos que essa inflação não condiz com a realidade. Eles querem que a economia melhore. Isso é simples: melhorem o salário dos trabalhadores, assim eles tem mais poder de compra e a economia gira. O que estamos pedindo não é irreal. É justo”, avaliou o presidente do Sindicomerciários, Silvio Frasson.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *