CTB-RS e Fecosul realizam seminário para debater novos rumos após Reforma Trabalhista

evento-03

A aprovação da Reforma Trabalhista impõe uma nova realidade por meio da retirada de direitos à classe trabalhadora. Com o negociado sobre o legislado, terceirização ampliada e sem limites, trabalho intermitente, 200 pontos serão modificados na CLT e a consequência disso será trabalhadores e trabalhadoras brasileiros cada vez mais vulneráveis.

A classe trabalhadora estará ainda mais fragilizada com o enfraquecimento da Justiça do Trabalho e das entidades sindicais com o fim da contribuição sindical. Entidades legítimas de defesa dos trabalhadores que lutam, historicamente, para tentar manter as relações de trabalho equilibradas.

Muito se perde com essa aprovação, mas, afinal, quais são os reais desafios do movimento sindical neste próximo período? Quais serão os impactos no mundo do trabalho? E quais as perspectivas para os trabalhadores?

A CTB-RS e a Fecosul acreditam ser imprescindível discutir novas possibilidades diante do quadro que se desenha com a aprovação da Reforma Trabalhista. Por isto, as entidades estão propondo um seminário com especialistas no assunto a fim de atualizar e orientar os dirigentes sindicais.

Participe deste importante debate. Na ocasião, também será realizada a posse da nova diretoria plena da CTB-RS (2017-2020).

Confira a programação completa:

SEMINÁRIO:

OS DESAFIOS DO MOVIMENTO SINDICAL NA ATUALIDADE

Data: 31/7/17 (segunda-feira) / Horário: das 8h30 às 17h

Local: Auditório da Fetag

Valor: R$ 20,00 (almoço e material sobre reforma trabalhista)

8h30: Credenciamento

9h: Mesa I – O agravamento da crise e a perspectiva para os trabalhadores com vice-presidente nacional da CTB, Nivaldo Santana

10h: Debate com participantes do seminário

11h: Posse da nova diretoria com presença de autoridades

12h: Almoço na Fetag

13h30: Mesa II – A reforma trabalhista e seus impactos no mundo do trabalho com a ministra do TST, Maria Helena Mallmann, com o presidente da Amatra IV, juiz do trabalho, Rodrigo Trindade e procurador-chefe do MPT-RS, Rogério Uzum Fleischmann

15h: Debate com participantes do seminário
**Confirmar presença até 26/7 pelo e-mail ctb.rs@portalctb.org.br**

Fonte: CTB-RS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *